Make your own free website on Tripod.com
 

  Home | E-mail | Core Web Labs | Aspecto Jurídico | Crimes

Na Mídia
Música
Artes
HQs
Tv
Vídeos
Disney

Nos Famosos
Beatles
Microsoft
Papa
Xuxa

Nos Desenhos
Pokémon
UFOs Terrestres

Nos Jogos
Games
RPG

Outros
Em 20 dólares
Nas Prop. de Cigarro
Nos Alimentos



 

 

 

 

 

 

 

 

 Nas HQs

Há muito tempo as histórias em quadrinhos fazem parte do nosso dia a dia, e, talvez por esta razão não tenhamos percebido que além de um simples lazer elas são tambem um potente meio de propaganda comercial, educativa, política, ideológica, religiosa, etc. As histórias, harmonizando texto e imagem, grafismos, cores transportam o leitor desde a mais tenra idade, a um mundo de fantasia. Neste mundo, na maioria das vezes, o aficcionado se desliga da sua realidade e passa a viver a utopia das histórias, como personagem principal, coadjuvante ou apenas como simples 'carona', numa viagem ao mundo primitivo, ao velho oeste, ou até mesmo a uma excursão interplanetária.As mensagens nas HQ podem ser consideradas subliminares, devido ao fato de que o leitor se 'prende'à emoçao do texto, focando praticamente só os balões onde estao inseridos, enquanto a visão periférica capta as imagens de relance, lançando seu conteudo ao subconsciente.

As histórias em quadrinhos tanto podem educar, como também podem 'ensinar' como fazer um pacto com o diabo !

Observe as imagens de caras que se formam no peito dos personagens. São quase sempre rostos sinistros, fechados, com expressão clara de depressão e ódio. Figuras arquétipas de demônios, ou seja, cara triangular, geralmente associada à cara de um bode, e os chifres são quase sempre delineados por algum músculo, extremidade de armaduras ou asas, como no personagem abaixo, à esquerda da página.

"X-Men" - Teatro da Dor - Marvel Comics - Editora Abril

No exemplo abaixo, o "Caldeirão", antigo símbolo relacionado à bruxaria, está posicionado à esquerda do título principal. Esta imagem é remetida, através do nervo óptico ao hemisfério direito do cérebro, responsável pelo processamento de imagens (para saber mais, consulte a seção "Como Funciona"). Em seguida, conforme o leitor vai 'varrendo' a página, de cima para baixo, aparece a personagem principal "A Bruxa" em posição de meditação, (Lótus- no Yoga), em meio à uma nuvem de incenso.

Uma vez criado subliminarmente um clima de expectativa em torno do que vai acontecer, a Bruxa levanta os braços e se abaixa em posição de 'adoração'. Mais uma vez, a visão periférica vai registrar os ícones que aparecem em segundo plano, como a Meia-lua (antigo símbolo da deusa Diana (Rom.) ou Artemis (Gr.) filha de Júpiter (Rom.) ou Zeus(Gr.); o Pentagrama, símbolo ligado à Alta Magia e Satanismo, que nas escolas gnósticas é chamado de Estrela Flamejante. Representa também Satã ou o Bode do Sabbat e Lúcifer.

"O pentagrama é a figura do corpo humano com quatro membros e uma ponta única que deve representar a cabeça. Uma figura humana com a cabeça para baixo representa naturalmente um demônio, isto é, a subversão intelectual, a desordem ou a loucura." Eliphas Levi em Dogma e Ritual da Alta Magia - pág.272 - Ed.Pensamento.

"Magali - A Bruxa da Lua" -Maurício de Souza Produções - Ed.Abril

                                             

Copyright © 2002 Subliminares.Com.Br. Todos os direitos reservados.
Site desenvolvido por Core Web Labs®.

             COMPRE!